sexta-feira, 28 de junho de 2013

Tricotomia ou Dicotomia




Tricotomia ou Dicotomia (A natureza Metafísica do homem)

I Ts.5.23 - "E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso ESPÍRITO, e ALMA, e CORPO sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo" 

Ouvi um eminente professor "reformado" dizer que a Tricotomia é a raiz de todos os males. Infelizmente os títulos deste professor não lhe abriram os olhos à Palavra de Deus, pois o texto acima é muito claro sobre o posicionamento bíblico sobre o assunto. Aliás os calvinistas abandonam até a Bíblia, mas não abandonam Calvino. Isso é impressionante.

A Tricotomia defende que o ser humano é constituído de três partes: Espírito, Alma e Corpo. Já a Dicotomia acredita que é constituído de duas partes: Espírito e Corpo. Sendo Espírito sinônimo de Alma.

Além do texto acima existem muitos outros textos que comprovam a tricotomia, como:
Gênesis 2:7 "Então, formou o SENHOR Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente"
Lucas 1.46,47 "Disse, então, Maria: A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador"
Hebreus 4.12 "Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração". 

Além destes textos, também, na criação Deus fez o ser humano à semelhança com o Criador. Deus é um Único ser, mas constituído de três Pessoas, o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Observe que Paulo aos Colossenses 1:15 diz: "Este é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação". Portanto, Jesus é a parte visível do Deus invisível. Jesus é o lado material, visível, de um Deus presente no Mundo Material, de um Deus manifestado na materialidade. Isto não significa que Deus em Espírito não esteja presente, mas que manifestou-se fisicamente em Jesus. O Espírito Santo enviado por Jesus é o Deus presente e atuante no Mundo. Só a matéria pode ser mudada (Aristóteles), e foi por isso que Jesus teve que encarnar, pois de que outra forma Deus poderia morrer pelos pecados como o Cordeiro Prometido e Morto desde a fundação do Mundo? Ap.13.8.


Tratar Alma e Espírito como sinônimos é o mesmo que tratar o Fôlego de Vida; o fio de prata; a força motora, sem a qual não há vida, como a imundícia dos atos humanos que residem em sua Alma (O livro de sua vida). O espírito humano é uma partícula de Deus, é o Seu sopro, e isto não pode ser enlameado, por isso Deus disse: "Não contenderá para sempre o meu espírito para sempre com o homem, porque ele também é carne; porém os seus dias serão cento e vinte anos. Gn.6.3.
Veja ainda: Eclesiastes 8:8 "Nenhum homem há que tenha domínio sobre o espírito, para reter o espírito; nem tem poder sobre o dia da morte..." - e, Eclesiastes 12.5-7 "porque o homem se vai à sua eterna casa, e os pranteadores andarão rodeando pela praça; antes que se quebre a cadeia de prata, e se despedace o copo de ouro, e se despedace o cântaro junto à fonte, e se despedace a roda junto ao poço, e o pó volte à terra, como o era, e O ESPÍRITO VOLTE A DEUS, que o deu".


Alma suja, não necessariamente significa espírito sujo, mas aí se estabelece uma rivalidade, uma disputa, pois o espírito humano geme pelo homem pecador e não querendo se contaminar aperta a consciência e por ela se expressa. O Nascer de Novo é o nascer do espírito, que outrora envolto pela alma queria arrastá-lo às mais graves ofensas à Deus, estas são as chicotadas nas costas de Jesus a caminho da Cruz, aqui está o virar as costas do Pai ao Filho.


Hebreus 4.12 faz uma distinção totalmente aberta da diferença entre Alma e Espírito, quando diz que a Palavra de Deus é tão penetrante como uma espada de dois gumes que penetra até a divisão da Alma e do espírito. Por que essa divisão? Por que quem julga é o Juiz, mas a lei do juízo é a Palavra de Deus. É a Bíblia a única capaz de separar a Alma do Espírito. Os deterministas não podem aceitar isto, pois o julgamento confere ao individuo as responsabilidades de suas opções durante a vida, logo, não há determinismo, mas liberdade de ação e escolha.
Como falei, os reformados, os deterministas, negam a Bíblia, mas não negam Calvino e suas heresias, que afastam os salvos da atuação do Espírito Santo em seus corações e minguam os Dons espirituais na vida espiritual dos santos. 


Romanos 8.16 - "O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus". Como? Através dos muitos dons do Espírito, da atuação na consciência e do ensino das coisas de Deus.


O Calvinismo é o maior barco furado ainda navegando no oceano das letras mortas. Até que chegamos ao estado atual da Teologia Contemporânea, onde chega-se a duvidar da Ressurreição de Jesus. 

 
Por isso a Salvação é pela fé. E qualquer que se aproxime de Deus tem que crer que Ele existe e que sua Palavra foi Revelada para ajudar o ser humano caído.
Sem fé, ninguém consegue agradar a Deus.