segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Perdão




O perdão é livre, pois não pode, em absoluto, ser imposto. Portanto, perdoar é um ato voluntário. Perdoar é ter a liberdade de dizer sim ao Amor!

Ao praticar o perdão, o perdoador está deixando o outro livre para prosseguir seu caminho em meio aos pedregais da vida. Isso não significa que seu caminho terá menos pedras, mas que elas estarão lá sempre tentando impedi-lo de caminhar. Por isso o caminho do maldoso sempre é cheio de pedras!

Salmos 107:17 "Os estultos, por causa do seu caminho de transgressão e por causa das suas iniquidades, serão afligidos".  

Quando você perdoa alguém, existe em seu íntimo uma predisposição em fazer tal concessão. Mas, como isso ocorre? A magoa é algo que se opõe à essa predisposição de perdoar. Então, o  primeiro passo para se perdoar alguém é deixar a mágoa de lado e torná-la tão pequena que não seja capaz de resistir ao maior Dom do Espírito Santo que é o Amor.
O Amor é portanto, o melhor amigo do Perdão!

Porém, o perdão exige algo maior do que o Amor para os seres humanos: Dinheiro, Recursos. Sim, o perdão requer perdas! Sempre quem perdoa paga o preço do Perdão! Por exemplo, um amigo deve ao outro R$300,00, e disso resultou um desentendimento, uma discussão, e uma separação. Se o amigo que emprestou o dinheiro resolver perdoar o outro, ele deverá absorver o prejuízo que seu perdão requer! Sempre há uma perda no perdão!

Jesus, foi o maior exemplo de perdão à toda humanidade, mas Ele teria que pagar o preço. Ele tentou negociar com o Pai dizendo para afastar aquele cálice! Mas, o Pai não aceitou seu pedido e o preço teria que ser pago integralmente. O preço foi pago e o perdão foi dado a todos que quiserem recebê-lo.

Se alguém te ofendeu, perdoe! Se alguém te roubou, perdoe! Se alguém te enganou, perdoe! Afinal o preço do teu perdão é menor do que o que Jesus pagou para perdoar você!
Não se esqueça: "Quem perdoa paga o preço" e mesmo assim o perdoado pode recusar-se a receber o seu perdão, mas aí o problema já não é mais seu! O problema passa a ser de Deus.